Archive for agosto, 2009

Sou da opinião que pessoas apaixonadas ficam burras. Não muito burras, mas levemente. Quase me convenci que, para se apaixonar é preciso carregar consigo uma certa burrice. Mas não, para se apaixonar é preciso um pouco de loucura. A burrice vem depois. É uma mistura de inocência com ignorância. Não é uma burrice grande, nem […]


Aviso: O post é longo e sem figuras. Quer ler algo mais legal? Vá ler Alice no País das Maravilhas. Li uma edição da Martin Claret com ilustrações. É curto, tem figuras e de quebra você entende como é usar LSD. Escolher a ciência já me faz um pouco diferente das pessoas normais com as […]


Sobre ser irmã

14ago09

Quinta-feira tinha tudo pra ser um dia comum. Até que vejo meu irmão na hora do almoço. O olho levemente roxo, e uma cara preocupada. Resumidamente: o tal do Leo (mudar nome pra que?) cuspiu nele, Eduardo não gostou e mandou parar. Leo, valentão que é, cuspiu de novo “viu, cuspi de novo?”. Eduardo emputecido […]