Archive for abril, 2011

tododia

26abr11

A luz da manhã incide sobre a cama de lençóis brancos que jazem vazios. Ela toca solenemente o lado em que ele horas antes estivera, com pesar e resignação de quem espera por um milagre. Ainda espera alguns instantes. Demora um pouco mais antes de criar coragem pra encarar o mundo que a espera. E […]


bowling

25abr11

eu não sei jogar boliche. meu placar era incrivelmente constituido de vários zeros, muitos dois e um, ou outro oito ou sete. em média, podia ser quatro. mas eu fiz um strike. dois jogos e eu consegui fazer um strike. em algum momento eu comentei com meu pai “olha o placar, sabe quando a gente […]


vírus-atraente

22abr11

cutuca o amigo no ombro, aquela cutucada marota de quem vai falar algo que mais ninguém pode ouvir – olha lá, não é bonita? o outro só olha e concorda com a cabeça, completa – vamos chegar nela? e lá se vai um feriado inteiro na cama. porque eu tenho certeza que se eu passo […]