bowling

25abr11

eu não sei jogar boliche. meu placar era incrivelmente constituido de vários zeros, muitos dois e um, ou outro oito ou sete.
em média, podia ser quatro.
mas eu fiz um strike. dois jogos e eu consegui fazer um strike.
em algum momento eu comentei com meu pai “olha o placar, sabe quando a gente faz um experimento e depois olha pros dados e vê um ou outro ponto BEM fora do padrão que tá aparecendo no gráfico? aí, se a gente tiver coragem ou não quiser ter dor de cabeça na análise a gente tira o ponto fora e finge que não existiu? então, aquele é um deles. eu não faço strikes”
e então eu descobri que minha vida inteira foi assim.
eu sou mediana. quase péssima. em quase tudo. aí, vez ou outra eu tenho um ataque de iluminação e, opa, olha só, faço um strike na vida. e as pessoas se apegam a isso pra dizer o quanto sou ótima. seja um texto bom. um conselho cabível. uma nota acima da média. mas eu não sou boa. aquele é um desses pontos que estão fora da linha do meu gráfico.
eu só tenho medo que, pra simplificar a análise, esses pontos sejam jogados fora sempre.

Anúncios


One Response to “bowling”

  1. 1 João Guilherme

    Você é uma ótima amiga =)
    Always


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: